Por que a manutenção de máquinas pesadas é tão importante?

Por que a manutenção de máquinas pesadas é tão importante?

O setor de construção civil é extremamente dependente das máquinas. Como imaginar um canteiro de obras sem tratores, escavadeiras, carregadeiras, caminhões pesados e tantos outros equipamentos?

Devido à sua grande importância, a manutenção de máquinas pesadas não pode ser negligenciada pelas empresas que atuam no setor.

Abaixo, vamos explicar as razões. Leia até o final para evitar prejuízos com seu maquinário!

A importância da manutenção de máquinas pesadas

Incluir manutenções preventivas periódicas dos equipamentos no orçamento é sinônimo de competência administrativa, por vários motivos. Elas garantem que a empresa vai:

Economizar com reposição de maquinário

É inegável que os equipamentos usados na construção civil representam um investimento significativo para a construtora. Não cuidar de suas máquinas, obviamente, significa perder dinheiro, caso haja a necessidade de substituir maquinário ou componentes avariados.

Assegurar a produtividade na obra

Uma pane de qualquer tipo, que provoque a interrupção do trabalho, resulta em uma série de problemas: comprometimento do orçamento, perda de prazos, operários ociosos, desgastes com clientes etc. A manutenção de máquinas ajuda a evitar tais situações indesejáveis.

Aumentar a vida útil dos equipamentos

Não se descuidar das manutenções preventivas significa garantir que as máquinas terão vida útil mais longa. Se elas duram mais, a empresa economiza e, quando chegar o momento da troca, ainda pode lucrar com a venda do equipamento de segunda mão sempre em boas condições.

Garantir a segurança dos operadores

Um equipamento com defeito, além de comprometer todo o trabalho, pode colocar em risco a segurança do operador de máquinas. No caso dos caminhões e outros veículos, um acidente por falta de manutenção deixa o motorista em situação de vulnerabilidade, e ainda pode dar margem a questionamentos na justiça trabalhista.

 

Dicas para preservar o maquinário

Os mais antigos já avisavam, há tempos, que prevenir é melhor que remediar. Então, tomar precauções e agir antes que o problema aconteça é a dica mais sensata, em qualquer situação.

No caso da manutenção preventiva das máquinas, é altamente recomendável adotar os procedimentos abaixo:

  • Conheça as máquinas que utiliza na obra. Mesmo que não seja você o operador, leia cuidadosamente os manuais e participe de treinamentos, se possível.

 

  • Siga e faça com que os operadores sigam as recomendações de fábrica. Afinal de contas, quem conhece melhor o equipamento do que o próprio fabricante?

 

  • Disponibilize e exija treinamento para quem vai trabalhar com as máquinas. Essa medida garante a segurança na obra e o bom funcionamento dos equipamentos.

 

  • Em caso de falhas no maquinário, identifique a origem do problema. Foi superaquecimento? Problemas mecânicos ou de software? Falha humana? É importante tirar as lições e aprender com o ocorrido, para tomar medidas preventivas.

 

  • Mantenha um registro detalhado do histórico da máquina. É importante documentar informações tais como o tipo de serviços executados no equipamento, quando foi a última manutenção preventiva e quando será a próxima.

 

  • Tome providências para que o maquinário seja armazenado de modo adequado e de acordo com as recomendações de fábrica.

 

Concluindo, queremos lembrar que todo o equipamento essencial para sua obra pode ser alugado pelo período necessário. A locação é uma ótima solução, mas é fundamental escolher uma empresa locadora comprometida em cuidar da manutenção de máquinas, garantindo o perfeito funcionamento de qualquer equipamento.

 

Nós, da Mason Rental, oferecemos, para locação, uma variada linha de máquinas para construção civil, mineração, indústria, comércio e serviços, todas de marcas consagradas no mercado.

 

Entre em contato conosco, para obter mais informações!

Compartilhar este post

Fique por dentro das nossas novidades. Assine nossa newsletter.